segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Ativista do Passe Livre é preso no 7 de setembro


O ativista do Movimento Passe Livre, Kleber Tobler, 25 anos, foi preso ontem, durante o desfile oficial do dia da independência. Sob a acusação de "desacato a autoridade", o estudante foi levado pelos policiais por estar fantasiado para uma encenação que ocorreria durante o desfile. Junto a outras organizações sociais, o Passe Livre pretendia reforçar o debate sobre a revisão da lei da anistia. Kleber estava usando uma máscara de demônio e usava uma farda de militar. O estudante foi liberado às 11h30, e responderá a processo por desacato.


O Movimento Passe Livre está se mobilizando para conseguir a absolvição do estudante. Os advogados do Centro de Direitos Humanos foram acionados. Em breve, mais informações sobre o caso.

Veja mais fotos
1 | 2 | 3














Fantasia de estudante era para encenação sobre lei da Anistia

2 comentários:

Raphael Zorak disse...

Existe algum lugar no Brasil com Passe Livre para estudantes?

Por que não lutar por uma causa mais sensata, tal como o Meio Passe??

Estudantes de ensino fundamental que moram longe de seus colégios tem o transporte realizado gratuitamente por ônibus da prefeitura. Não seria isto já uma forma de meio passe? E justamente para quem realmente precisa dele?

Sinto muito, mas eu, como estudante, não desejo o passe livre e, sim, o meio passe. Isto porque sei que o povo vai querer se beneficiar desta modalidade de gratuidade.

Boa luta para vocês e viva o meio passe.

Movimento Passe Livre disse...

Resposta do Movimento Passe Livre: Sim, Raphael. Existem cerca de 105 cidades no Brasil com passe livre para estudantes. Os casos mais conhecidos são Cuiabá e o Estado do Rio de Janeiro. Também há passe Livre em Santana (Amapá), região metropolitana de Vitória (ES), entre outras.
O Movimento Passe Livre luta, entre outras coisas, pela desmercantilização do transporte coletivo. Ou seja, lutamos para que tenhamos uma empresa pública de transporte, sem empresários, para que o transporte em si seja gratuito para todas as pessoas, não apenas para estudantes. O meio passe como é proposto deixa a tarifa dos outros usuários mais caras, porque o meio passe não elimina os empresários do sistema de transporte coletivo. Se quiser saber mais sobre isso, deixe-nos seu e-mail ou escreva para mpl.jlle@gmail.com